Reitor afastado da UFSC é encontrado morto em shopping de Florianópolis

O reitor afastado da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina), Luiz Carlos Cancellier de Olivo, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (2) em Florianópolis, segundo o jornal Diário Catarinense.

Segundo a Polícia Militar, ele teria se atirado do vão central do Beiramar Shopping, por volta das 10h30, a morte foi confirmada pela assessoria de imprensa do Beiramar Shopping no fim da manhã.

No dia 14 de setembro, Cancellier e outras seis pessoas ligadas à UFSC foram presas, segundo a PF, o grupo é suspeito de desviar recursos que deveriam ser investidos em programas de EAD (Educação a Distância), Cancellier foi liberado no dia seguinte, mas continuava afastado da universidade.

A operação apura extravio de repasses do governo federal para cursos da modalidade a distância ofertados pela universidade que atingiriam R$ 80 milhões.

As prisões ocorreram durante a operação batizada de Ouvidos Moucos, mais de cem policiais federais cumpriram mandados judiciais em Florianópolis e Itapema (SC) e Brasília (DF), são sete mandados de prisão temporária e cinco de condução coercitiva, além de afastamento de sete pessoas de funções públicas.

 

Comentar

Veja Também  "Moro será conselheiro de Bolsonaro para casos de demissão do 1.º escalão"
Tags

Mauricio Dias

Nada "além" do compromisso com a informação | Jornalismo independente

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios