Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo são vaiados em museu na Rússia

0
273

A senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, e o ex-ministro Paulo Bernardo, marido dela, foram vaiados neste domingo na cidade de São Petersburgo, na Rússia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Durante visita ao Museu Hermitage, o casal foi verbalmente hostilizado por um grupo de brasileiro que também visitava o local. Os dois são réus na Operação Lava Jato.

Paulo Bernardo, que foi ministro nos governos Lula e Dilma, foi preso em junho de 2016 na Operação Custo Brasil, mas acabou solto uma semana depois, por decisão do ministro do STF Dias Toffoli.

Comentar

Veja Também  Nova pesquisa mostra Joaquim Barbosa derrotando Bolsonaro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui