Falsa médica é presa após atender mais de 400 pacientes em hospital

0
134

Uma mulher foi presa em flagrante nesta terça-feira (24), suspeita de atuar como falsa médica na Santa Casa de Ibirá (SP). A polícia chegou até a estelionatária depois de denúncia dos próprios funcionários do local, que desconfiaram dela. De acordo com informações da polícia, a suspeita de 41 anos atendia como dermatologista usando o nome de uma médica de São Paulo. Segundo a Polícia Civil de Ibirá, o carimbo usado nas receitas , com o número do CRM, teria sido furtado da clínica da profissional no bairro Vila Mariana, em São Paulo.

A polícia informou que a falsa médica confessou o crime de usar o carimbo furtado na delegacia e deve responder por falsa identidade e exercício ilegal da profissão. A suspeita disse também que é formada em medicina na Bolívia, mas não apresentou documentação. A polícia arbitrou fiança de R$ 5 mil, mas como não foi paga, ela foi levada para a cadeia de Santa Adélia (SP). A prefeitura de Ibirá disse que a responsabilidade sobre a contratação dos funcionários é da Santa Casa e, por isso, prefere não se manifestar. Ninguém no hospital foi encontrado para falar sobre o assunto.

Com informações (G1)

Comentar

Veja Também  Falsa médica usou o Google para diagnosticar nariz quebrado, diz paciente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui