Governo gasta mais de R$1 bilhão com aluguel de prédios públicos

O governo gasta R$ 1,6 bilhão por ano com alugueis de prédios públicos, mesmo sendo dono de mais de 10 mil imóveis vazios. Dados divulgados pelo Ministério do Planejamento à BBC Brasil mostram que o país com 10.304 imóveis que estão sem uso. Quatro deles ficam no exterior, 80% incluem prédios comerciais, casas, salas, galpões e terrenos, que podem ser vendidos, alugados ou cedidos, inclusive para o uso privado.

O restante é destinado aos chamados “bens de uso especial”, que devem ser usados para a prestação de serviços públicos, como escolas e hospitais. Para se ter uma ideia das despesas, com o prédio da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional o governo gasta, por ano, R$ 20 milhões. A Defensoria Pública da União também funciona em um imóvel alugado, que custa R$ 15,1 milhões.

Imóveis desocupados

60% dos imóveis desocupados em condições comuns se encontram no Rio de Janeiro, Pará, Bahia e Santa Catarina. Já os bens especiais se encontram, em maior parte, em São Paulo, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Questionado, o Ministério do Planejamento declarou que “está trabalhando para reduzir a despesa anual de R$ 1,6 bilhão com aluguel” ocupando ou vendendo os imóveis próprios sem utilização.

Comentar

Veja Também  Governo pede penhora de bens de Ratinho para garantir pagamento de dívida

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui