Homem mata garota deficiente e esconde o corpo dentro de cama box; Veja

Um homem foi preso pela Polícia no sábado (28), acusado de estupro e assassinato na cidade de Tabaporã, a cerca de 644 quilômetros de Cuiabá, capital de Mato Grosso (MT). O homem foi identificado como Sinval Gomes Fonseca, de 47 anos. Para a polícia local, ele é o principal suspeito de ter estuprado e assassinado uma adolescente identificada como Cristiellen Mariana Rezende da Silva, de 14 anos.

O crime deixou os moradores revoltados com a tamanha crueldade com a vítima. A população da cidade tentou invadir a delegacia para linchar o suspeito. Conforme informações repassadas pelo delegado Carlos Henrique, o acusado já tem passagem pela polícia pelo mesmo crime na cidade de Juara.

Ele estava morando e trabalhando na cidade de Tabaporã. Segundo o delegado, devido o crime ter causado uma grande revolta na localidade, o suspeito teve que ser transferido para uma cadeia na cidade de Porto dos Gaúchos.

Durante a transferência do acusado, centenas de pessoas tentaram invadir a delegacia para linchá-lo. Mas um forte aparato de segurança impediu a população invadir a cadeia. De acordo com a imprensa local, por volta das 13 horas de sábado, a polícia recebeu várias denúncias relatando que homem estava com várias manchas de sangue pelo corpo dentro da própria residência.

Diante dos fatos, policiais se deslocaram até o local informado, onde constataram a veracidade dos fatos. Quando os policiais entraram na residência, as paredes também estavam manchadas de sangue. No local também havia conselheiros tutelares, que estavam a procura da adolescente portadora de necessidades especiais. Logo após, uma varredura foi feita na casa.

Após alguns minutos, o corpo da vítima foi localizado dentro de uma cama box, completamente despida. No decorrer da conversa com os policiais, Sinval Fonseca acabou confessando o crime.
Segundo ele, a vítima tinha ido até sua casa, onde ele cometeu o crime. Depois, o acusado relatou que tentou se suicidar cortando os pulsos. Sinval foi levado para uma unidade médica, onde recebeu atendimento.  Após alta hospitalar, ele foi levado para a delegacia da cidade.

Veja Também  Suspeitos de executar Policial Militar em Ibiporã são presos

Após algumas horas da prisão do suspeito, centenas de moradores se aglomeraram na frente da delegacia e tentaram invadir o local para linchar o homem. O caso está sendo investigado pela polícia. Qual a sua opinião sobre esse crime bárbaro? Deixe-nos seus pensamentos na seção de comentários logo abaixo.

Com informações (Noticias F5)

Comentar

Tags

Mauricio Dias

Nada "além" do compromisso com a informação | Jornalismo independente

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios