William Waack é afastado do “Jornal da Globo” após vídeo com comentário racista

0
202

Após as acusações de racismo contra William Waack, a Rede Globo decidiu, na noite da última quarta-feira (8), afastar o jornalista do comando do “Jornal da Globo”. A emissora disse ser contra qualquer tipo de manifestação racial e que o veterano de 65 anos ficará longe de suas atividades até que a situação seja esclarecida.

“A Globo é visceralmente contra o racismo em todas as suas formas e manifestações. Nenhuma circunstância pode servir de atenuante. Diante disso, a Globo está afastando o apresentador William Waack de suas funções em decorrência do vídeo que passou hoje a circular na internet, até que a situação esteja esclarecida”, informou.

No vídeo que circula pela internet, Waack se preparava para uma entrevista durante a cobertura das eleições norte-americanas do ano passado, quando alguém na rua começa a disparar uma buzina. Contrariado, o jornalista xinga a pessoa e depois solta o comentário racista.

“Tá buzinando por quê, seu merda do cacete? Não vou nem falar porque eu sei quem é”, disse. “É preto. É coisa de preto”, completou, deixando o convidado constrangido.

Comentar

Veja Também  'Deus me tirou da cova', diz Deise do Fat Family após alta

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui