Homem mata ex a facadas e acaba morto espancado por populares; Vídeo

0
261

Um homem identificado como José Francinildo Araújo, de 41 anos, atacou a ex-namorada, Elisabete Pinto de Oliveira, de 33 anos, em um ponto de ônibus no final de tarde da terça-feira (7) em São Paulo. Com uma faca, o garçom assassinou a ex-namorada em uma avenida movimentada.

Além disso, o criminoso feriu a amiga da vítima, identificada como Elenice Rosa Souza, de 43 anos. No entanto, o suspeito não esperava que populares se revoltassem e salvassem a segunda mulher. Além disso, as pessoas revoltaram-se e espancaram o homem até a morte.

Uma testemunha que estava no outro lado da rua relatou à polícia que a vítima havia se assustado quando enxergou o ex-namorado e tentou atravessar. No entanto, o homem a puxou de volta para a parada e começou a desferir facadas em Elisabete.

A testemunha começou a gravar e flagrou a mulher já caída com o suspeito a esfaqueando. Nas imagens pode ser vista uma segunda mulher, que corre para pedir ajuda a populares. Nesse momento, muitas pessoas começam a cercar o assassino. O vídeo, então, é cortado.

Elisabete foi ferida com facadas no pescoço e no tórax e ainda foi socorrida, tendo sido levada ao hospital de Taubaté. No entanto, não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo. A amiga sobreviveu, tendo sido ferida no pescoço e nos braços. Familiares indicaram que o suspeito não aceitava o final do relacionamento com Elisabete.

Nas redes sociais, a própria filha de Francinildo, de apenas 21 anos, fez uma publicação lamentando a morte da ex-madrasta e em momento algum, citou a morte do pai. Para a jovem, Elisabete era uma estrela do céu, uma anja. A garota ainda se declarou, afirmando amar a vítima.

Procurada por veículos de comunicação, a jovem pediu para não ser identificada e também não quis comentar o caso. Outras pessoas também utilizaram as redes sociais para lamentar o que aconteceu com Elisabete. Em todos os posts, amigos e familiares lembravam a vítima como uma “mulher de Deus” e muita querida por todos.

Veja Também  Nem a Rota entra em favela de SP, afirma diretora da polícia de Alckmin

Veja o vídeo

Via : news365

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here