Funcionários da Mercedes são assaltados na saída de Interlagos

Vans de equipes de Fórmula 1 e um carro da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) foram abordados por homens armados nos arredores do Circuito de Interlagos na noite desta sexta-feira, dia de treinos livres para o GP do Brasil.

O episódio ocorreu na Avenida Interlagos, por volta das 20h, quando os funcionários deixavam o circuito. Os bandidos pararam vans que levavam mecânicos de equipes. O veículo com integrantes da Mercedes foi assaltado.

Uma van da Williams estava logo atrás, e testemunhou o ocorrido. No twitter, Lewis Hamilton deu detalhes: disse que tiros foram disparados e armas foram apontadas para as cabeças dos funcionários.

Os assaltantes tentaram roubar também um carro com funcionários da FIA que vinham logo atrás. Eles chegaram a bater com as armas no vidro, mas o veículo era blindado e conseguiu escapar.

Após os incidentes, quem ainda estava trabalhando no autódromo foi avisado dos problemas e pediu segurança para a organização para deixar Interlagos. Com isso, os funcionários restantes saíram escoltados por policiais até a entrada da Marginal Pinheiros.

Comentar

Veja Também  Daniel Alves usa o Twitter para responder crítica de Forlán: "Calem a boca"

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui