Huck encomenda pesquisas para medir suas chances para presidente

O apresentador Luciano Huck encomendou pesquisas para medir suas intenções de voto para presidência da República. Políticos e pessoas próximas dizem que ele avalia de fato se candidatar ao Palácio do Planalto. As informações são do jornal O Globo.

Políticos próximos do apresentador afirmam que ele não quer, por enquanto, divulgar suas pretensões eleitorais porque avalia o cenário político e quer manter seu programa de TV. Segundo o jornal, Huck cogita se candidatar ao PPS, ao DEM ou à Rede.

O apresentador já se reuniu com lideranças do DEM, do PPS, com Marina Silva, porta-voz e principal nome da Rede, com João Amoêdo, fundador do Novo, e também com o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, que é sondado por diferentes partidos.

Quem apoia a candidatura de Huck diz que ele poderia ser uma alternativa de centro em meio à polarização política protagonizada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que lidera as pesquisas de intenção de voto, e o deputado Jair Bolsonaro, que se coloca como um representante da direita e fica em segundo lugar nas sondagens.

Pesquisa Ibope publicada no fim de outubro mostra Lula com 35% e Bolsonaro com 13%. Huck aparece no mesmo patamar dos tucanos Geraldo Alckmin e João Doria, governador e prefeito de São Paulo, respectivamente.

O apresentador tem 5% quando disputa com Lula, e 8% se o nome do PT é o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad. Em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo” publicada em março, Huck afirmou que sua geração está pronta para ocupar espaços de poder e que, diante da crise política, novas lideranças vão surgir.

Questionado se poderia se lançar à Presidência da República, ele respondeu que “não dá para responder na atual conjuntura”. E acrescentou: “Se me perguntarem se vou concorrer a algum cargo eletivo, eu não sei responder”. Quatorze dias depois, artigo publicado por Huck também na “Folha” começava da seguinte forma: “Não, não sou candidato a presidente da República”.

Veja Também  Lula em seu discurso diz que Álvaro Dias era informante da revista Veja; Vídeo

No último dia 18, o apresentador voltou a escrever um artigo no jornal, no qual expressou mais uma vez o desejo de se engajar diretamente em movimentos de renovação política. E, novamente, afastou eventual candidatura. “Reafirmo que continuo achando que, de onde estou, fora do dia a dia da política, minha contribuição pode ser mais efetiva e relevante”, disse ele, no texto.

Tags

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker