Polícia investiga vídeo pornográfico com criança divulgado em grupos de Whatsapp

A Polícia Civil tenta identificar pessoas que aparecem em vídeo com conteúdo pornográfico envolvendo uma criança. A investigação é realizada por meio da Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dececa).

No vídeo, a menina de aproximadamente oito anos aparece com o fardamento escolar da Prefeitura de Fortaleza dentro de um carro e é obrigada a praticar sexo oral. O homem filma a ação.
“Logo que as imagens foram recebidas pelos policiais que atuam na especializada, diligências foram iniciadas no sentido de elucidar o caso.

Os trabalhos de apuração prosseguem e, no momento, outros detalhes não podem ser repassados, tendo em vista a continuidade da investigação”, ressaltou nota da Polícia Civil. O assessor jurídico do Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca), Acássio de Sousa, ressaltou que é fundamental o trabalho da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) para identificar vítima, criminoso e a escola da criança.

Sobre as imagens, o assessor diz que, a partir do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), armazenar, distribuir e compartilhar qualquer mídia de crianças e adolescentes sendo vítimas de violência sexual configura crime. “Quem receber esse tipo de vídeo deve imediatamente apagar e denunciar o caso ou cometerá um crime também”, explica.

O Cedeca não foi notificado acerca do caso, mas relata que, após notificação, realiza os encaminhamentos necessários para atendimento. A publicação do vídeo não é permitida. A proibição visa preservar a imagem da vítima.

Fonte : Cnews

Veja Também  Quadrilha usava rádio do IML para aplicar golpes e beneficiar funerárias
Tags

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker