Em Cascavel, agente da PEL e policiais são presos por contrabando

Policial e agente penitenciário são flagrados escoltando carga de contrabando

0
179
(Foto: Reprodução)

Quatro pessoas, sendo três policiais e um agente penitenciário, foram detidos na noite da última sexta-feira (23) em uma estrada rural que faz parte do Contorno Oeste de Cascavel. Eles faziam a escolta de contrabandistas, que levavam produtos oriundos do Paraguai até Londrina. De acordo com a Polícia Federal (PF), um policial militar, dois policiais civis e um agente penitenciário, que trabalha na Penitenciária Estadual de Londrina (PEL) estão entre os presos.

Um quinto elemento, pertencente ao 14º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Foz do Iguaçu, também fazia parte do grupo de escolta, porém conseguiu fugir. No entanto, ele só foi identificado pela PF porque no momento da fuga deixou no local a sua arma da corporação. A polícia segue em sua busca.

O grupo de escolta estava dividido em três carros – dois veículos Astra e um Peugeot. De acordo com a PM, um dos detidos levava cerca de R$ 190 mil em produtos: 739 celulares, 359 carregadores, 32 capas para smartphone e 30 câmeras fotográficas. Este foi encaminhado ao Batalhão de Cascavel, onde ficará sub custódia.

Os demais presos foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal em Cascavel. Eles serão autuados pelos crimes de contrabando e formação de quadrilha, além do uso irregular de aparelhos de telecomunicações, já que utilizavam de rádio comunicadores para facilitar as ações criminosas. Já as mercadorias foram levadas até um posto da Receita Federal.

Com informações do Portal CGN Cascavel

Veja Também  Policiais matam a tiros homem surdo que 'ignorou' ordens