Homem não encontra a ex-mulher e mata o cunhado

De acordo com a Polícia Civil, Silvino, em 2011, já havia tentado assassinar a ex-mulher a facadas.

Um homem foi preso em Foz do Iguaçu após assassinar a facadas o ex-cunhado. Silvino Michinoski foi localizado e detido na casa em que morava, pouco depois do crime, e de acordo com a polícia, quando se preparava para fugir. Ele já tinha roupas e o celular em uma sacola. O homem também já tinha feito uma fogueira no quintal com as roupas que usou no crime.

Ele matou Valdomiro Limk de 61 anos, irmão de sua ex-mulher. O crime foi registrado no Jardim Dourado, onde a vítima morava. Foram várias facadas.

De acordo com a polícia, o autor do crime chegou a ser abordado por uma equipe policial antes do crime. A equipe patrulhava pelo Bairro Três Lagoas, quando nas proximidades de um ‘bailão’ Silvino passou pela viatura e acelerou a moto. Os policiais decidiram abordar o homem, que portava uma faca. O objeto foi apreendido e o homem liberado, já que até então, não tinha cometido nenhum crime.

Pouco depois disso, a polícia foi acionada para o crime de morte que vitimou Valdomiro. No local, familiares disseram à polícia que Silvino era o autor da morte. A polícia passou a procurar o homem que não foi localizado na casa em que morava, já que ele fugiu. Quando a equipe seguiu para a casa da mãe do suspeito, localizou a moto dele suja de sangue. A polícia retornou para a casa do suspeito e encontrou o home escondido ‘atrás da cortina’. Ele ainda tentou correr, mas foi preso.

O alvo de Silvino era a ex-mulher. Horas antes ele teria visto a mulher dançando no bailão com outro homem. Ele chegou a agredir essa pessoa, que não registrou o caso. Silvino então seguiu até a casa da ex-mulher e como não a encontrou, matou o ex-cunhado. De acordo com a Polícia Civil, Silvino, em 2011, já havia tentado assassinar a ex-mulher a facadas.

Veja Também  Passageira filma homem se masturbando em voo entre MG e SP

Com informaçoes: massanews.com

Tags

Related Articles

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker