Preso em flagrante por tráfico diz para a polícia que é membro do PCC

A equipe da Polícia Militar de Janiópolis efetuou a prisão em flagrante de um dos maiores traficantes da cidade e realizou a apreensão de maconha e crack, além de armas de fogo e dinheiro. José Berto da Silva, conhecido como Zezão, disse para os policiais que é membro da facção criminosa PCC e tinha até uma anotação de seu “batismo” na “organização”.

A prisão de Zezão se deu quando os policiais estavam realizando patrulhamento na Rua Sete de Setembro, na tarde de sexta-feira e desconfiaram de um indivíduo com tornozeleira eletrônica na frente de uma casa.

Ao receber voz de abordagem, o indivíduo correu para dentro de casa, mas foi abordado na área, de onde os policiais puderam ver uma porção de maconha em cima de uma folha de papel alumínio. No local também havia uma faca com resquício de maconha e crack. Zezão admitiu que estava cortando o tijolo de maconha em porções menores para revenda.

Os policiais, então, entraram na casa e em uma revista minuciosa encontraram 5,9 quilos de maconha e 265 gramas de crack. Os policiais encontraram também uma espingarda calibre 20 e um revólver calibre 38 e também a quantia de R$ 5.670,00 em dinheiro.

A polícia deu voz de prisão a José Berto da Silva, que foi encaminhado para a Delegacia de Polícia de Campo Mourão, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posse de armas de fogo.

“Retiramos um ‘general do tráfico’ de circulação e apreendemos uma boa quantidade de drogas que iria circular em nossa cidade”, salientou o subtenente Macedo.

Com informaçoes: massanews.com

Veja Também  Preso se esconde em saco de lixo para tentar fugir de delegacia
Tags

Related Articles

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker