Fernando Haddad vira réu por corrupção e lavagem

Fernando Haddad acaba de virar réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, ao lado do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto.

A Justiça de São Paulo recebeu a denúncia do Ministério Público, que acusa o ex-prefeito de receber R$ 2,6 milhões em propina da UTC para o pagamento de dívidas de campanha com uma gráfica.

Com informaçoes: oantagonista.com

Comentar

Veja Também  'Volto para levantar minha nação da miséria', diz Dr. Rey sobre Presidência