Governador decreta luto oficial pela morte de Caito Quintana

0
120
Foto: Reprodução/ALP

O governador Carlos Massa Ratinho Junior lamenta a morte do ex-deputado estadual e ex-chefe da Casa Civil, Caito Quintana, e decretou luto oficial no Estado. Caito Quintana morreu aos 72 anos após sofrer um infarto, domingo (13.01). O governador Ratinho Junior destaca a trajetória política de Quintana e os serviços prestados ao Paraná como parlamentar e como integrante do Governo do Estado.

Natural de em Santo Augusto, no Rio Grande do Sul, Luiz Carlos Caito Quintana era filho de Daindo Bueno Quintana e Nadir Terezinha Fucillini Quintana, Luiz Carlos Caito. Era formado em Direito. Em 1966 Caito se mudou para Planalto, no Sudoeste do Paraná, onde exerceu por anos a profissão de Tabelião.

Em 1972 se elegeu pela primeira vez vereador e foi presidente da Câmara Municipal e da Associação de Vereadores do Sudoeste do Paraná. Em 1982 foi eleito deputado estadual com mais de 30 mil votos e reeleito para mais
sete mandatos, nos anos de 1986, 1990, 1994, 1998, 2002, 2006 e 2010. Entre 1991 a 1994 e entre 2002 e 2006 ele foi chefe da Casa Civil nos governos de Roberto Requião.

Foi vice-presidente da Assembleia e assumiu a presidência interinamente duas vezes. No ano passado disputou novamente uma vaga na Assembleia Legislativa, mas não foi eleito.

Comentar

Veja Também  Klabin; o maior investimento da história do Paraná em nova fábrica