Moça nega ter cometido crime em lotérica de Ribeirão do Pinhal; vídeo

0
388
Foto: Reprodução/Facebook

Aline Domingues, jovem acusada por anônimos em áudio(com vídeo anexo) de furto mediante fraude em Ribeirão do Pinhal, prestou depoimento na quinta-feira, dia 31, na delegacia de Polícia Civil do município.

Câmera de segurança instalada na Casa Lotérica Tião Abatiá, na Rua Paraná, centro da cidade, teria flagrado a funcionária supostamente desviando dinheiro de um beneficiário da Caixa Econômica Federal.As imagens foram gravadas em dezembro do ano passado, mas só agora viralizaram no Whatapp e em redes sociais.

A atendente, segundo as denúncias, teria se apropriado da quantia disponível e mentido para a vítima.Também teria cometido o pretenso crime outras vezes e adquirido vários bens imóveis com o “golpe” envolvendo também Bolsa-Família e Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

A Polícia Civil ribeiro-pinhalense informou ao npdiario que o inquérito já foi relatado e encaminhado para a Justiça na sexta-feira, dia primeiro.
Aline foi indiciada por furto mediante fraude.

Ao ser interrogada, negou a autoria, atribuindo a um defeito da máquina, alegando que a quantia sacada seria posteriormente restituída. Não há informações de sinais de riqueza e não tinha passagens anteriores.
A moça retirou sua conta em redes sociais na manhã deste sábado, dia dois.

Fonte: NP DIARIO

Veja Também  Dono de boate é assassinado a tiros em Salto de Lontra