Uma cena revoltante na manhã deste sábado, 9, na rua 24 de maio, proximidades do açougue Bistecão, em Santo Antônio da Platina, causou revolta e indignação em quem passava pelo local e nas redes sociais.

Uma câmera de segurança registrou imagens de uma mulher empurrando um carrinho de bebê, que atravessa a rua desgovernado, bate na calçada do outro lado da rua e tomba, jogando a criança ao chão. Um carro que passava pelo local quase atropela o bebê.

Isso só não ocorreu porque o condutor estava em baixa velocidade. Na sequência, a mulher – uma jovem identificada como Larissa Turek, 20 anos, vai até o carrinho e, aparentemente, agride o bebê e o atira ao chão, observada por outra mulher.

Um homem interfere na cena, visivelmente transtornado com a atitude da mulher, e evita que ela deixe o local.A Polícia Militar e o Conselho Tutelar foram foi chamados. O bebê foi levado ao Pronto Socorro e a mãe da criança conduzida à 4ª Companhia de Polícia Militar.

Os conselheiros tutelares Renata Vieira Arruda e Marcelo Marques de Araújo, que atenderam a ocorrência, informaram no início da tarde deste sábado, que a criança, uma menina de um ano e três meses, sofreu escoriações na testa e rosto, mas não teve fraturas constatadas pelo exame de Raio X.

A conselheira Renata Arruda falou com a reportagem por celular, e informou que a mãe da criança, durante o tempo em que ficou na PM, mostrou-se completamente descontrolada, agredindo verbalmente todos que estavam no local, inclusive PMs, demonstrando desequilíbrio e estar sob efeito de álcool ou algum tipo de droga.

O bebê foi encaminhado à Casa Lar, onde permanecerá até decisão da justiça. A mãe foi conduzida à delegacia, mas até a conclusão desta reportagem, não foi possível apurar se ela permanecerá presa.

Veja Também  Londrina; adolescente de 15 anos morre atropelada por caminhão na Zona Sul

Fonte: Tribuna do Vale