O Brasil encerrou sua participação no Grand Slam de Düsseldorf em alta. Neste domingo, a judoca Mayra Aguiar conquistou a medalha de ouro na categoria até 78kg, o que garantiu a equipe brasileira na segunda colocação geral da competição disputada na Alemanha, atrás apenas do Japão.

Mayra Aguiar faturou o ouro ao vencer suas cinco lutas no tatame da arena ISS Dome com quatro ippons e dois waza-ari. A brasileira derrotou a local Teresa Zenker, a portuguesa Patrícia Sampaio, a austríaca Bernadette Graf, a eslovena Klara Apotekar e a local Anna Maria Wagner.

Para a bicampeã mundial, o triunfo teve sabor de revanche porque, na semana passada, ela ficara com a prata, em Oberwart, na Áustria. Na ocasião, fora derrotada na final pela anfitriã Bernadette Graf, a quem derrotou neste domingo.

Mayra não foi a única brasileira a subir ao pódio neste último dia de competições em Düsseldorf. Maria Suelen Altheman, na categoria acima de 78kg, faturou o bronze ao superar a bósnia Larisa Ceric. Já Leonardo Gonçalves, até 100kg, chegou a ter chance de chegar ao bronze, mas foi derrotado pelo austríaco Laurin Boheler e terminou em quinto lugar.

Outros sete judocas do Brasil subiram ao tatame neste domingo, sem sucesso. Eduardo Bettoni (até 90kg), Rafael Macedo (até 90kg), Rafael Buzacarini (até 100kg), Jonas Inocêncio (acima de 100kg), Rafael Silva (acima 100kg) e Samanta Soares (até 78kg) e Beatriz Souza (acima de 78kg) não chegaram a brigar por medalhas.

Antes dos pódios de Mayra e Maria Suelen, o Brasil já havia se destacado no Grand Slam alemão nos últimos dias, com a prata de Rafaela Silva (até 57kg) e os bronzes de Nathália Brígida (até 48kg) e Ellen Santana (até 70kg).

Veja Também  “Fico no Brasil nem que tenha que recolher lixo” desabafa médico cubano

Fonte: Massa News