Uma mulher de 22 anos foi presa em flagrante em Mossoró, no Rio Grande do Norte, após arremessar a própria filha, um bebê recém-nascido, pela janela do apartamento em que morava, no 2º andar. As informações são do portal G1.

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu logo depois que a mulher deu à luz, neste domingo (17). A criança, arremessada da janela do banheiro de prédio no Jardins do Planalto, morreu na hora e foi encontrado na área comum do condomínio.

Google Maps

A mãe, inicialmente, negou que estava grávida e que havia tido uma filha. Em seguida, ela confessou o crime à polícia após exames médicos comprovarem a gestação. Na versão dada aos policiais, no entanto, a mãe afirmou que achava que a filha estava morta no momento em que a jogou do prédio.

Os pais da jovem, que moram com ela, disseram à Polícia Civil que não tinham conhecimento da gravidez da filha. A criança nasceu com sete meses e, segundo levantou a perícia, o bebê estava vivo antes de ser jogado pela janela. A mulher foi indiciada por homicídio qualificado e levada para a ala feminina da Penitenciária Agrícola de Mossoró.

Informações: G1

Veja Também  Mãe encontra fotos das filhas sendo estupradas no celular do marido