Era fim de noite quando os vizinhos ouviram uma gritaria vindo de uma casa em Outeiro, na região metropolitana de Belém e, em seguida, vira uma mulher correndo e pedindo socorro. Para a polícia, o motivo do assassinato foi banal: uma confusão por causa do gato da família.

De acordo com a investigação a autora do crime é Rosivalda Mendes de 39 anos e a vítima, seu marido, Jonilson Espírito Santo, de 44 anos. Eles eram casados há sete anos.

Segundo os vizinhos o casal tinha um bom relacionamento, mas no dia do crime, os dois foram vistos voltando de um bar com sinais de embriaguez e, ao chegar em casa, teriam brigado porque o gato da família teria comido a refeição da vítima que ameaçou matar o animal.

Foi então, que começou uma discussão entre o casal e os vizinhos ouviram gritos. Durante a confusão, Rosivalda pegou uma faca e atacou o marido que não resistiu aos ferimentos e morreu na cozinha de casa antes do socorro chegar.

Após o crime, Rosivalda foi presa em flagrante e levada para a Delegacia de Outeiro onde prestou depoimento. Ela vai responder por homicídio simples e pode pegar de seis a vinte anos de prisão.

Veja Também  Homem é assassinado com tiros no peito na sala de casa