Porções de maconha com fotos do presidente Jair Bolsonaro foram apreendidas neste final de semana de carnaval em Mogi Mirim, no interior de São Paulo. As 37 porções da droga, acondicionadas em embalagens plásticas transparentes, estavam sendo vendidas por um menor de idade, na noite de sábado (2).

Além da maconha, os saquinhos continham uma foto do presidente com as inscrições “Bolso Bek” e “na primeira, legalizo”. A droga estava com jovem de 17 anos. Ele foi apreendido pela Guarda Civil de Mogi Mirim e colocado à disposição da Justiça.

Os guardas foram ao local, uma praça da Vila Dias, na zona leste da cidade, depois de receberem a informação de que havia ponto de venda de drogas instalado na praça.

Além da maconha, o jovem tinha consigo 28 pinos de cocaína e R$ 7. No plantão da Polícia Civil, o caso foi registrado como ato infracional por tráfico de drogas, já que o traficante é menor de idade. O destino do rapaz será decidido pela Vara da Infância e da Juventude de Mogi Mirim.

O guarda civil municipal Marcelo Pereira, que participou da apreensão, afirma que o adolescente recebeu o pacote de drogas de um outro homem, maior de idade e que já foi preso por tráfico outras vezes. “Não sei por que [a foto do Bolsonaro]. Deve ser uma afronta, já que, por parte do crime, não gostam do ‘homem'”, avalia.

Informações: G1

Veja Também  STF rejeita habeas corpus e Carli Filho vai a júri popular