Estação Espacial que orbita a Terra poderá ser vista a olho nu

Estrela? OVNI? Avião? Não! É a passagem da Estação Espacial Internacional que orbita a Terra, que poderá ser vista na noite desta segunda-feira (11) no Paraná. Quem olhar para o céu a partir das 19h40 no Estado, poderá perceber um ponto brilhante passando rapidamente, vindo da direção sudoeste para a região nordeste, maior que uma estrela e com uma luz constante.

Não será necessário nenhum equipamento para apreciar a passagem, mas a visibilidade vai depender da sorte do céu estar aberto no momento.

De acordo com o diretor do Parque da Ciência Newton Freire Maia, Anisio Lasievicz, o evento não é raro, já que a estação especial dá a volta no planeta a cada 90 minutos, mas geralmente ocorre durante a madrugada ou com menos brilho, o que deixa dificulta a visibilidade.

  • Estação espacial

A estação espacial é um satélite que orbita a Terra, um consórcio de vários países devido ao investimento alto para construção da estrutura. Conforme Lasievicz, o primeiro módulo foi levado para a estação em 1998 e, desde então, várias missões foram realizadas no local para complementar a estação, que atualmente está concluída.

O espaço é composto por aproximadamente 120 metros de comprimento, no tamanho de um campo de futebol padrão. Esta é a única estação espacial tripulada da Terra, que geralmente abriga seis astronautas, que fazem experimentos por seis meses na estação e revezam com outros profissionais.

Aplicativos

Quem se interessar pelo evento pode acompanhar outras passagens da estação espacial pela Terra através de um site, que informa as passagens em cada região em um prazo de dez dias, ou pelo aplicativo ISS Detector.

Quem perder a passagem de hoje não precisa se desesperar! Outra aparição da estação, com previsão de melhor visibilidade será no final de abril, no dia 19.

Veja Também  Após receberem bolsa de sangue trocadas, idosos são transferidos ás pressas para HU

Fonte: Massa News

Comentar