A Polícia Civil do Paraná (PCPR) cumpre, na manhã desta terça-feira (12), 12 mandados judiciais, sendo oito de busca e apreensão domiciliar e cinco de sequestro de bens, em razão de um esquema de corrupção, que gerou um prejuízo superior a R$1 milhão ao Estado. A organização criminosa era comandada por uma servidora pública, de 55 anos, responsável pela Secretaria da Diretoria Clínica do Hospital Universitário de Londrina.

Vinte e seis policiais civis participarão da operação. No decorrer da ação, a PCPR pretende realizar o sequestro dos seguintes veículos: Hunday Santa Fé, Aircross 1.6 Shineiat, Fiat Strada Advent Flex, C4 Cactus 1.6 Thp Shine e Fiat Toro Volcano. Podendo ainda, outros bens serem apreendidos.

Fonte: Bonde

Comentar

Veja Também  Homem que decepou mãos da ex-companheira tem pena reduzida no RS