Um laboratório de anabolizantes foi descoberto pela Polícia Civil na Zona Leste de Londrina na última quinta-feira (4). O caso foi divulgado pela corporação nesta segunda-feira (8).

O responsável pelo local é homem de 32 anos que foi preso em flagrante durante a ação. O suspeito, de acordo com a polícia, tem um canal no Youtube com mais de 200 mil inscritos. Em seus vídeos, ele falava sobre assuntos relacionados a fisiculturismo.

No laboratório, foram encontradas diversas ampolas de anabolizantes, que foram avaliadas em mais de R$ 150 mil. As investigações, que duraram cerca de um mês, indicaram que o youtuber buscava o material para fabricar os anabolizantes na fronteira com o Paraguai. Depois de prontos, os ilícitos eram enviados para cidades do Paraná e de Santa Catarina.

O suspeito confessou o crime. Ele não tinha antecedentes criminais e deve responder por falsificar, corromper, adulterar produtos destinados a fins terapêuticos e/ou medicinais, bem como por importar, expor à venda, ter em depósito para venda, distribuir ou entregar a substância. Se condenado, poderá pegar de 10 a 15 anos de prisão.

Fonte: 24 Horas

Comentar

Veja Também  Londrina; Empresário morre em campeonato de motociclismo