Jovem de 22 anos morre ao tentar acender churrasqueira

(Foto: Reprodução/Facebook)


Uma celebração em família acabou em tragédia no último final de semana na pequena cidade de Vera Cruz, interior de São Paulo. Durante um churrasco em família, houve um acidente e a jovem Natali Stefanni Martins, 22 anos, acabou com 98% do corpo queimado. Ela morreu nesta segunda-feira (16). A informação é do Portal UOL.

De acordo com o relato de testemunhas, ela estava ajudando o marido Wellington Martins, 23 anos, a acender a churrasqueira com álcool quando houve a explosão. O jovem teve queimaduras em 35% do corpo e está internado na Santa Casa de Marília.

O hospital não divulgou o estado de saúde da vítima. Amigos disseram à policia que se tratava de um churrasco oferecido pelo casal. Já na madrugada, os dois foram reacender a churrasqueira, que era do modelo portátil, quando houve a explosão.

O Corpo de Bombeiros de Marília afirmou que a recomendação é que não se use líquidos inflamáveis, como gasolina e álcool, para acender a churrasqueira. No velório, realizado na noite desta segunda, Vanessa Osório de Lima, amiga de Natalia, relembrou a alegria do casal. “Era um casal festeiro. Gostavam de se divertir, sempre reuniam os amigos”, afirmou a vendedora ao portal UOL.

Comentar

Veja Também  Novo IML de Londrina é inaugurado após 4 anos de atraso